Eu não conseguia nem pensar em entrar no meu carro, hoje consigo ir no posto, abastecer e pensar que eu dizia: “nunca vou fazer isso!”. Agora entro e saio do posto com tranquilidade. Eu me sentia uma “formiguinha “dentro do carro e hoje posso ir e vir, sentindo  uma sensação de liberdade que não tem preço.  Posso mudar de faixa e ter autonomia para ir aos lugares que gosto. Agradeço as pessoas que me indicaram a Psicotran e em especial a psicóloga Salete que me atendeu.

Antonia Dirce Saes da Silva, 55 anos, Manicure.