Assumir a direção de um carro faz muitos motoristas esquecerem que pedestres, motos e outros veículos também têm direitos no trânsito. E a verdade é que independente de sua experiência ao volante, do modelo do seu carro e até do local pelo qual você está passando respeitar o espaço do outro é fundamental.

Com a correria do dia a dia, que já volta ao normal nesta segunda semana do ano, é comum ceder a irritação e deixar de lado cuidados básicos com a sua segurança e a dos outros. Infelizmente 73% dos motoristas mantêm a velocidade ou aceleram quando estão se aproximando de uma pessoa que atravessa a rua. Além disso, quando existe outro carro esperando, demoram em média 11 segundos a mais para desocupar uma vaga de estacionamento. Mas, por quê? Esta hostilidade pode representar uma dificuldade para lidar com as emoções.

Não espere a situação ficar mais difícil para lidar com este problema. Aproveite o início do ano para observar seu comportamento no trânsito. Para algumas pessoas uma boa música, exercícios de respiração e a saída antecipada garantem a tranquilidade necessária para enfrentar o congestionamento e as falhas de outros participantes no trânsito. Mas se você sente, que realmente se transforma ao volante, talvez este seja o melhor momento para passar por uma avaliação psicológica e assim evitar que o estresse afete outras áreas da sua vida ou mesmo represente um risco para a sua segurança. Pense nisso!