decarona cuidados carros tinindo 3

Entender a dinâmica de um carro é fundamental para mantê-lo com a manutenção sempre em dia. Ter uma boa noção de como o seu veículo funciona e quais são suas necessidades básicas faz toda a diferença para dirigir com segurança e não gastar dinheiro à toa.

Os carros são compostos por algumas partes básicas:

1) Carroceria

É a cara do carro. É ela quem faz o carro ser bonito ou feio. Seu desenho é responsável pelo desempenho aerodinâmico do veículo, além de proteger os ocupantes.

2) Motor

O motor da maioria dos carros baseia-se no princípio da combustão interna, ou seja, a queima da mistura de ar e combustível que ocorre no seu interior é o que dá força para o carro se movimentar. O motor conta com diversos componentes, que precisam estar bem alinhados para funcionar adequadamente.

3) Transmissão

A força gerada pelo motor precisa de um sistema de transmissão para fazer o eixo motriz girar, ou seja, para fazer o carro andar. Embreagem, caixa de câmbio, eixo cardã e diferencial são os principais componentes da transmissão.

marcha decarona2

Trocar as marchas na hora certa é fundamental para o bom funcionamento da transmissão

4) Sistema elétrico

A bateria é a fonte de energia elétrica do veículo, é um acumulado de eletricidade alimentado pela energia do motor em funcionamento. É por isso que se esquecermos o farol ligado com o motor desligado, a bateria acaba, afinal, ela precisa dele com fonte de energia.

5) Suspensão

É o sistema de suspensão que proporciona conforto aos ocupantes do carro, absorvendo as irregularidades do piso, além de ser o responsável por equilibrar o carro nas curvas e em movimento. Seus principais componentes são: molas, amortecedores, bandeja, buchas, pivô, barra estabilizadora.

6) Direção

O sistema de direção é o que nos permite definir para onde vai o veículo. Os movimentos que fazemos no volante são transmitidos para a caixa de direção, com um sistema de engrenagens que, por sua vez, transmite este movimento para as rodas através das barras de direção.

como dirigir bem 8

O sistema de direção é o que nos permite definir para onde vai o veículo

7) Sistema de rodagem

Ele é constituído pelos pneus e rodas, que podem ser de aço, as mais comuns, ou de alumínio, magnésio ou silício, que são ligas mais leves. Para garantir que o sistema funcione bem, é preciso fazer as revisões no carro no tempo determinado pela montadora. Alinhamento, balanceamento e rodízio de pneus são algumas manutenções chave. Além disso, é preciso ficar de olho no desgaste dos pneus. Se eles estiverem carecas, é perigo na certa.

8) Freios

É a peça fundamental para garantir a segurança do trânsito, por isso, as indústrias bem desenvolvendo sistemas de freio cada vez mais eficientes. O ABS, por exemplo, evita o travamento das rodas em caso de frenagem de emergência. Isso possibilita que a drenagem não provoque o derrapamento e mantém a dirigibilidade mesmo freando forte.

Dicas para maior segurança, economia e eficiência

  • Dirija com suavidade, evitando aceleração ou frenagens bruscas. Assim, você economiza combustível, além de gastar menos os freios e os pneus.
  • Evite passar nas lombadas ou quebra molas na diagonal. O veículo sofre esforços desnecessários, como a torção da carroceria.
  • Utilize a embreagem somente na troca de marchas. Evite descansar o pé esquerdo sobre o pedal da embreagem.
  • Não ande descansando a mão sobre a alavanca do cambio. Isso acarreta o desgaste das engrenagens prematuramente.
  • Nunca deixe o carro em ponto morto nas descidas. Isso não economiza combustível e coloca os ocupantes em risco.
  • Use as marchas adequadamente observando a rotação do motor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *