Comprar um carro é receber o passaporte para a liberdade. Assumir essa independência é sinônimo de ótimos momentos e muita responsabilidade. Mas, antes de tudo, é preciso decidir qual veículo se encaixa melhor em suas necessidades.

Carros populares – Compactos com preços mais acessíveis, ótimos para quem não tem muita grana disponível para o investimento. Mas fique atenta: não bastam os valores baixos da hora da compra para garantir economia.
“É preciso ficar atenta ao valor da manutenção, que é o que realmente vai pesar depois que o carro já estiver comprado”, alerta Marum. Os brasileiros gastam por ano 40% do valor do carro com manutenção e despesas.

Picapes – Têm como característica um compartimento de cargas independente da cabine da motorista. Esses modelos são perfeitos para as que curtem praticar esportes, já que permitem carregar equipamentos maiores na traseira.

Sedans – São os carros divididos em parte dianteira (onde fica o motor), do meio (pedaço onde ficam os bancos) e traseira (bagageiro). Por ter um compartimento separado para carregar peso, é mais indicado para as meninas que adoram fazer compras.

SW (Station wagon) – Com o bagageiro incorporado à parte central do carro e tendo sua porta envolvendo o vidro traseiro, são chamados “carros-família” por serem perfeitos para transportar passageiros. Mamães com família grande podem otimizar tempo e espaço se optarem por esse modelo.

SUV (veículo utilitário esportivo) – É um veículo espaçoso e que tem altura elevada, o que permite uma visão completa do trânsito. Quem viaja muito e pega muita estrada pode optar por esse modelo de carro alto, que permite um percurso mais seguro devido à possibilidade de enxergar melhor o caminho e desviar mais facilmente de obstáculos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *