Em algumas oportunidades já aproveitamos o espaço do blog para destacar que o comportamento dos motoristas no trânsito muitas vezes é o reflexo fiel de sua personalidade.

E hoje eu quero falar especificamente sobre o conflito de sentimentos que alguns enfrentam diante das novidades. Ao mesmo tempo que novas leis, equipamentos e modelos de carro são atraentes, a possibilidade de mudança gera uma insegurança difícil de controlar. É o medo daquilo que apresenta diversos benefícios, mas nós não conhecemos.

E este sentimento negativo costuma ser intensificado quando precisamos sair de nossa zona de conforto. Quer um exemplo? A Audi já está testando um equipamento que conecta os semáforos ao computador de bordo do carro. O motivo? O motorista consegue visualizar no painel do veículo qual é a velocidade necessária para evitar a parada no sinal vermelho.

Os pessimistas podem acreditar que está é uma ideia ruim e que a inovação terá como consequência a velocidade abusiva no momento de passar por um cruzamento. Já os otimistas terão a percepção oposta, acreditando que esta tecnologia pode evitar ou reduzir o número de acidentes.

E diante destas percepções não existe resposta correta, mas devemos buscar o equilíbrio. Independente das emoções despertadas pelas novidades tente analisar com calma quais são os pontos positivos e negativos desta mudança . Que tal começar agora? Pense em algo que mudou recentemente na sua vida e comece a afastar o medo!